PREPOTÊNCIA E ARROGÂNCIA DE JOÃO WALLACE NA PRESIDÊNCIA DA CÂMARA CRIA CLIMA DE GUERRA ENTRE VEREADORES ALIADOS EM ASSÚ

eleição

Não surpreende a minguem os atos ditatórias e a difícil relação do presidente da câmara municipal de Assú, vereador João Wallace, com os seus pares.

O blog já alertava muito antes da eleição da péssima escolha do sistema em que votei ao optar por tal vereador para presidir o legislativo assuense em um momento de transição delicada de governo, onde o executivo teria que ter na presidência da casa um vereador de perfil conciliador.

Segundo alguns vereadores que dão sustentação politica ao governo Gustavo Soares, o autoritarismo já impera na casa do povo, cujo presidente retira de pauta requerimento assinado por oito edis, impedindo que a democracia seja exercida.

É bom que saiba o presidente que o seu poder na casa é finito e para que um requerimento seja retirado de pauta e arquivado exige um fundamento legal.

O requerimento em voga, trata de um projeto que antecipa a eleição da mesa para dirigir a câmara para o biênio  2019/2020, o que leva a crer que o momento de João Wallace junto aos seus colegas não é nada alvissareiro e que o sonho de se manter no cargo por mais dois anos fica cada vez mais distante.

José Regis de Souza

REGIStrando

Publicidade:

ASSÚ: Prefeito entrega ao presidente do Judiciário potiguar escritura de área para nova sede do Fórum

FORUM

O prefeito Gustavo Soares recebeu em seu gabinete, na tarde desta sexta-feira, dia 7, a visita do presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte, desembargador Expedito Ferreira de Souza, e da juíza da 1ª Vara Cível da Comarca de Assú, Aline Daniele Belém Cordeiro Lucas, oportunidade em que fez a entrega solene da escritura pública que trata da doação de uma área de 5.000 m² para a edificação na nova sede da Justiça local. A doação foi definida na Lei nº 577, do dia 3 deste mês, aprovada pela Câmara de Vereadores.

Na ocasião, o desembargador Expedito Ferreira ressaltou a importância do gesto do município. “É um pleito antigo do município do Assú que se concretizou com o prefeito Gustavo Soares, com a doação de uma área de cinco mil metros quadrados para a construção do novo Fórum Judiciário da cidade”, declarou o magistrado. “Sancionamos a Lei que oficializa esta doação por entendermos que é um passo relevante em prol do desenvolvimento do Assú”, enfatizou o chefe do Poder Executivo municipal assuense.

Também acompanharam o encontro com os representantes do Poder Judiciário o deputado estadual George Soares, vereadores, secretários e demais integrantes da administração municipal.

O espaço físico possui sua localização à Rua Carolina Wanderley, s/nº, bairro Alto São Francisco, dentro do perímetro urbano da cidade. Dispõe de dimensão geográfica total correspondente a 5.000,97 m². O terreno está devidamente escriturado no Livro de Notas nº 205, folhas nº 113 e nº 114, datado de 7 de março deste ano, com registro no Cartório do Primeiro Ofício de Notas do município. No citado imóvel, o Poder Judiciário potiguar edificará o novo Fórum Judiciário da Comarca de Assú.

Fotos: Marcos Costa/Assessoria

Prefeitura Municipal do Assú

Secretaria de Comunicação e Ouvidoria

Publicidade:
Churrascaria O Barandão

Assembleia Legislativa estimula servidores a ações de voluntariado

voluntariado

Ciente do papel social sobre que tem responsabilidade, a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte passou a estimular que seus servidores se engajem em ações com impacto em suas comunidades, com atividade de voluntariado, como forma de estimular a qualidade de vida, um dos focos do programa de atenção ao servidor mantido pela Casa.

Nesta sexta-feira (07), a primeira ação desse projeto do legislativo foi realizada na comunidade de Nova Natal, onde o técnico de informática Marcos Cley, 37, dedica seu talento como professor de karatê para ensinsar crianças carentes, afastando-as de situações de vulnerabilidade.

“Nossa ideia com esse projeto é estimular que servidores possam fazer o mesmo. Há sempre algo de bom para se doar. O projeto ‘Servidores Voluntários’ é um eixo do programa de atenção que o Poder Legislativo tem com sua força de trabalha e esperamos que esse exemplo de Marcos possa inspirar outras pessoas”, destacou o coordenador de Recursos Humanos da Assembleia Legislativa, Thyago Cortez.

Marquinhos, como é conhecido o técnico de informática, se inspirou na ideia de criar um escolinha para alunos carentes com intenção, inicialmente, de ser apenas uma atividade extracurricular. Ninguém imaginaria o que estava por vir. Até que veio a ideia de inscrever a meninada em competições. Foi quando a avalanche de medalhas e troféus se desencadeou.

Há também outro componente. Olhando a seu redor, o mestre de karatê viu que a vulnerabilidade social de sua comunidade poderia engolfar as crianças quando elas estivessem na ociosidade. Disso resulta uma regra que não se pode quebrar no clube de karatê: quem utiliza o que adquire para fazer o mal, é sumariamente impedido de voltar às aulas. “Porque teve uns garotos aqui que aprenderam nas aulas e foram usar isso contra outras pessoas”, explicou Marquinhos.

Já quem aproveita o conhecimento para o crescimento pessoal coleciona vitórias. Muitas! O maior caso de sucesso é o da dupla Amanda, 11, e Débora, 10. As mães das duas se orgulham das filhas, que colecionam quase 50 medalhas.

“Todos os campeonatos pelos quais elas passam tem medalhas para as duas”, comemora Marquinhos. O sucesso chegou a tal ponto que se tornou frequente as duas acabarem como finalistas dos torneios. Nesse caso, as mães descobriram, as garotas combinam os resultados. Fica combinado que quem ganha em um, perde no próximo. “Quando elas vão para a final até perde a graça. A gente sabe que é tudo ensaiado”, brinca a mãe de Débora, Maria Giane.

Dentro dessa proposta de cuidar do servidor, a Assembleia Legislativa deverá ainda neste mês realizar ação voltada à saúde, com foco em prevenção e informações que possam munir o funcionário de cuidados consigo próprios.

ALRN

Publicidade:
Sua Ótica

Gustavo Soares presidiu reunião que debateu revigoramento de luta em favor da Faculdade de Medicina

assessoria

A revitalização da luta em prol da criação de um campus universitário da Ufersa-Universidade Federal Rural do Semi-Árido em Assú e a necessidade de uma ampla mobilização de todo o conjunto da sociedade do município e região para tornar o projeto realidade foram temas dominantes num encontro realizado na tarde desta sexta-feira, dia 7, no gabinete do prefeito Gustavo Soares. A intenção é fortalecer os esforços para que o empreendimento possa ser concretizado em médio ou longo prazos.

A reunião, que teve o chefe do Executivo como anfitrião, teve a participação da senadora Fátima Bezerra, da deputada federal Zenaide Maia, do deputado estadual George Soares e do reitor da Ufersa, José de Arimatea de Matos, além de vereadores e membros da Prefeitura. O projeto já possui inscrição formal no SIMEC-Sistema Integrado de Monitoramento Execução e Controle do Ministério da Educação e da área física doada pelo município. O reitor garantiu que o projeto de Assú está na ponta das prioridades da Ufersa.

Arimatea Matos citou a escassez financeira como um dos gargalos para a efetivação da Faculdade de Ciências da Saúde em Assú, salientando que apenas para a estruturação física da unidade acadêmica o investimento previsto é da ordem de R$ 55 milhões. Durante o debate foram citadas alternativas que poderão viabilizar o empreendimento. “Essa é uma campanha que deve ter o apoio de todos nós. Essa Faculdade de Medicina é um sonho da população do Assú é preciso que todos se engajem neste objetivo para torná-lo real”, disse o prefeito Gustavo Soares.

Foto: Marcos Costa/Assessoria

Prefeitura Municipal do Assú

Secretaria de Comunicação e Ouvidoria

Publicidade:
Ddentista II

PADRE LUIZ ALÍPIO NESTE SÁBADO NO NOVO PROGRAMA REGISTRANDO NA NOVA 89 FM E RÁDIO SALINAS FM 95,5 MACAU

PADRE LUIZ

O convidado especial do programa REGIStrando deste sábado (08) será o padre  Luiz Alípio de Sousa Neto titular da Paróquia da Beata Lindalva & São Cristóvão em Assú sediada no Conjunto Janduís.

O programa vai ao ar a partir das 11h na NOVA 89 FM em cadeia com a Rádio Salinas FM 95,5 de Macau.

REGIStrando

Publicidade:
Ddentista II

Caern informa sistema de rodízio para Adutora Médio Oeste

CAERN

Com a retomada do abastecimento pela Adutora Arnóbio Abreu (Médio Oeste), a Regional Oeste da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) definiu o esquema de rodízio para o fornecimento de água aos municípios atendidos por ela. Os municípios foram divididos em dois grupos, que receberão o produto alternadamente.

O esquema começa nesta sexta-feira (7). Durante quatro dias, serão abastecidas as cidades de Triunfo Potiguar, Campo Grande e Paraú. Em seguida, ele é paralisado, com o sistema passando a abastecer as cidades de Janduís, Messias Targino e Patu, durante 4 dias, e assim sucessivamente.

A adutora voltou a funcionar esta semana, depois do trabalho de recuperação realizado pela Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern). Na primeira semana de março, o aumento do volume de água no riacho que passa próximo à captação da, localizada entre Jucurutu e Triunfo Potiguar, deslocou a tubulação que leva água para seis cidades da região Oeste atendidas pela adutora.

O trabalho realizado foi a relocação do ponto de captação da adutora no rio Piranhas/Açu, que durante o período de baixa no nível das águas teve que avançar 700 metros rio adentro. Com as últimas chuvas e o aumento no volume, o ponto de captação voltou para a localização anterior.

Redação ACS – Caern

Publicidade:
Ultrassu - II

Fátima Bezerra e ex-ministro Gabas falam sobre Previdência no Oeste Potiguar

FA1

FA2

A senadora Fátima Bezerra e o ex-ministro da Previdência Social Carlos Gabas afirmaram nesta sexta-feira (7), em Mossoró, que a Reforma da Previdência do Governo de Michel Temer é cruel, penaliza o trabalhador e está alicerçada em argumentos mentirosos. Eles voltaram a dizer que não há rombo e conclamaram a sociedade a resistir e a lutar contra o projeto que está em tramitação na Câmara. O ato foi uma parceria da Frente Brasil Popular e dos mandatos da senadora Fátima Bezerra e da vereadora Isolda Dantas.

Para o ex-ministro Gabas, a reforma está errada desde a sua concepção, porque não ouve e não considera especificidades da sociedade brasileira, e também porque desconhece aspectos técnicos e financeiros relevantes, como o fato de que os recursos orçamentários da Seguridade, cuja arrecadação inclui as áreas da Saúde, Assistência Social e Previdência Social. “Ela não é deficitária. É só cumprir a Constituição”, disse ele.

Ele explicou que a sociedade precisa entender, entre outras coisas, o que significa a chamada DRU, que é a chamada Desvinculação de Receitas da União, mecanismo que permite ao Governo Federal usar livremente 20% de todos os tributos federais. Ou seja, todos os meses um montante pertencente à Seguridade é deslocado para outras áreas. “Essas distorções ajudam o governo a mover a farsa do rombo da Previdência”, acrescentou a senadora.

Ela salientou que os trabalhadores, com ênfase para as mulheres, professores, camponeses, militares, entre outros, serão os mais penalizados.

Debate semelhante será realizado logo mais em Assu, no auditório da Uern. A organização é da Frente Brasil Popular do Vale do Açu.

Assessoria de Imprensa da senadora Fátima Bezerra

Publicidade:
Centro Odontológico - Eudson

Pós-graduação voltada para o processo legislativo segue com inscrições abertas

VOLTA

Único curso disponível no Rio Grande do Norte com abordagem voltada para o processo legislativo, a especialização em ‘Poder Legislativo’, oferecida pela Escola da Assembleia, segue com inscrições abertas até 14 de abril. Ao todo, são disponibilizadas quinze vagas destinadas a servidores legislativos do Estado e que sejam graduados bacharel, licenciado ou tecnólogo em instituições brasileiras de ensino superior, modalidade presencial ou à distância, devidamente autorizados e reconhecidos pelos órgãos competentes.

Com este edital estamos ofertando oportunidade de qualificação aos servidores do legislativo estadual e, também, para servidores de legislativos municipais de nosso Estado. Com o servidor melhor capacitado o legislativo como um todo terá condições de reverter uma melhora prestação de serviço para a sociedade”, explica Ezequiel Ferreira.

O diretor da Escola da Assembleia, Carlos Russo, destacou que este é o único curso de pós-graduação com foco na administração legislativa existente no Estado. “Graças à parceria entre a Escola da Assembleia e a Federação das Câmaras Municipais do RN, a especialização oferece uma excelente oportunidade para aqueles que desejam se qualificar e prestar um melhor atendimento ao serviço público nas Casas Legislativas do RN”, disse o diretor.

Com duração de dois anos, as aulas serão ministradas às segundas e quartas-feiras. As inscrições devem ser feitas na sede da Escola, localizada na Rua Açu, 426, Tirol. A lista com a relação de inscritos e o resultado da classificação geral dos candidatos será publicada na edição do Boletim Legislativo Eletrônico no dia 20 de abril de 2017. A divulgação estará disponível no site da Assembleia com seus respectivos prazos de recursos, conforme o cronograma apresentado no edital.

Os candidatos selecionados serão convocados pela direção da Escola dentro do limite de vagas, respeitados os prazos previstos no edital para entrega de documentação comprobatória das informações prestadas no ato da inscrição.

Gestão Pública

Outro curso que segue com inscrições abertas até o dia 14 é a especialização em Gestão Pública. A pós-graduação destina-se à qualificação de servidores legislativos, objetivando fomentar o processo de gestão das Casas Legislativas e promover a valorização do servidor, seja pelo incremento da titulação acadêmica, com avanço na formação escolar de nível superior, seja pelo aprimoramento de seu desempenho funcional.

As inscrições para a pós-graduação em Gestão Pública também devem ser feitas na sede da Escola da Assembleia, obedecendo aos mesmos critérios previstos para o curso de ‘Poder Legislativo’.

Outras informações no site www.al.rn.gov.br/portal/escola ou pelos telefones 3232-1001/ 3201 -6369.

Crédito da Foto: Eduardo Maia

ALRN

Publicidade:

ITAJÁ: Nota de Falecimento E CONVITE ENTERRO

IT1

“Há momentos em nossas vidas que somos tomados por uma enorme sensação de inutilidade, de vazio. Dai passamos a questionar o por que da nossa existência e que nada parece fazer sentido. A sua presença sempre continuará no meio de nós e jamais o tempo fará esquecer”.

É com bastante Pesar que a família da Jovem Juliana Patrícia de França comunica o seu falecimento.

O velório ocorrerá na Igreja Batista em Itajá e o sepultamento será no dia 08, ás 07:00 no cemitério público de Itajá.

Assessoria de comunicação de Itajá

comunicacao@itaja.rn.gov.br

Publicidade:
Sua Ótica

ASSÚ: Prefeito e secretário de Saúde acompanham Audiência Pública sobre o Hospital Regional

G1

G2

O prefeito Gustavo Soares e o secretário municipal de Saúde Luís Eduardo presenciam, na manhã desta sexta-feira, dia 7, a realização da Audiência Pública convocada pela 3ª Promotoria de Justiça da Comarca de Assú com o objetivo de discutir a realidade atual do Hospital Regional Dr. Nélson Inácio dos Santos. O debate transcorre nas dependências da sede das Promotorias de Justiça da Comarca sob a condução do promotor Emanuel Dhayan Bezerra.

“Fizemos questão de participar da discussão porque há uma preocupação do nosso governo com ações que possam melhorar a prestação de serviços de saúde pública independente de ser responsabilidade direta do município ou não. Nosso desejo é que haja uma saúde de qualidade para a população”, frisou o prefeito, que compõe a mesa dos trabalhos ao lado de outras autoridades, uma delas o secretário estadual de Saúde George Antunes.

A realização foi sugerida pela 3ª Promotoria de Justiça como consequência de uma visita à unidade hospitalar regional ocorrida no dia 28 de março, oportunidade em que pôde constatar uma série de irregularidades. Segundo nota publicada pelo site do Ministério Público do Rio Grande do Norte, “entre as deficiências verificadas na inspeção, destacam-se o fato de que alguns pacientes estavam tendo que comprar insumos para serem operados, pois faltam de seringas, anestésicos e compressas a fios de sutura. E outros pacientes que precisavam ficar internados na unidade estavam tendo que comprar medicamento, de antibióticos e morfinas a esparadrapos e luvas”.

Fotos: Marcos Costa/Assessoria

Prefeitura Municipal do Assú

Secretaria de Comunicação e Ouvidoria

Publicidade:
Ultrassu - II