Resultado da Busca

PLANALTO TENTA CONTER REBELIÃO EM BRASÍLIA, E HENRIQUE É O ALVO

artigo_11368

A presidente Dilma Rousseff (PT) tirou uns dias de folga numa base militar da Bahia, mas não tem tido tempo para respirar.

Sua base partidária no Congresso Nacional está rebelada. Os jornais estampam na manhã desta sexta-feira (31):

O Globo: Governo age para acalmar base rebelde no Congresso

Diário de Pernambuco: Planalto tenta parar ofensiva do Congresso

Todas as atenções em Brasília estão voltadas às ações do governo para controlar o motim.

Um dos líderes rebeldes é o deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB), presidente da Câmara dos Deputados.

A presidente já ligou para ele e pediu muita calma nessa hora.

Ontem (30), foi a vez do ministro Aloizio Mercadante (Casa Civil) chamar Henrique  para uma conversa “respeitosa”.

O petista pediu a Henrique que não colocasse em pauta projetos que onerem o governo para 2015.

Não tem como. Henrique já tem como certa a seguinte pauta até o fim do ano, que marca também o término de sua presidência:

O Orçamento Impositivo (menina dos olhos do deputado) – PEC que obriga a execução de 1,2% da receita corrente liquida da União em emendas individuais dos parlamentares;

O aumento de 1 ponto percentual do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), aumentando de 23,5% para 24,5%;

Invalidez: Garante proventos integrais ao servidor que se aposentar por invalidez;

E o aumento de salários para os parlamentares.

Henrique não é o único culpado da rebelião em Brasília após as eleições, mas ele tocou fogo na base com a derrubada dos conselhos populares da presidente Dilma.

O Planalto atribui o gesto ao resentimento de Henrique por ter perdido a eleição estadual. É vero.

Mas outros interesses se somam ao desgosto eleitoral: a briga por vagas no futuro ministério de Dilma, o interesse da oposição no enfraquecimento do governo e a disputa pela presidência da Câmara e também do Senado.

São muitas coisas em jogo. A terra treme em Brasília. E o deputado Henrique Alves, sem mandato em 2015, aposta todas as suas fichas naquilo que lhe resta de poder.

Diógenes Dantas

TEMER TENTA MOBILIZAR PMDB CONTRA CANDIDATURA DE CUNHA

images-cms-image-000402056

247 – Em uma manobra para acalmar a relação com o PT de Dilma Rousseff, o vice-presidente da República e presidente nacional do PMDB, Michel Temer convocou uma reunião com o conselho político do partido para a próxima quarta-feira, no Palácio do Jaburu, para minar a candidatura à presidência da Câmara do líder do partido, Eduardo Cunha (RJ).

Também foram convocados senadores, governadores e deputados federais eleitos. Objetivo é deixar o Senado com o PMDB e a Câmara com o PT, seguindo a tradição de que o comando deve ser dado ao partido com a maior bancada.

A tarefa não será fácil. No início da semana, deputados federais do PMDB se uniram à volta do líder Eduardo Cunha para, na prática, impor a candidatura dele à Presidência da Cassa. Ele seria o favorito em Brasília.

DEU A LOUCA NO PSDB: PARTIDO PEDE AUDITORIA NO RESULTADO DAS ELEIÇÕES

homem_na_lua_1

No mundo da lua

O PSDB perdeu a eleição presidencial por pouco, mas não precisava perder a cabeça. Parece ter perdido.

O partido pediu oficialmente ao Tribunal Superior Eleitoral uma auditoria especial nos resultados das eleições deste ano. Por que?

Embora faça questão de dizer que confia na Justiça, o PSDB alega que manifestações em redes sociais questionam o processo eleitoral.

Sim, foi isso mesmo o que você leu: manifestações em redes sociais questionam o processo eleitoral. Questionam também se o homem pisou na lua. E se Bin Laden de fato está morto.

A proposta do partido é para que se crie uma comissão de especialistas indicados por todos os partidos. A tal comissão teria acesso a cópias dos boletins de urnas e aos demais documentos que tenham a ver com a eleição.

É absurda a justificativa do PSDB para o que pede. Afinal, se tudo o que as redes sociais questionam dessem ensejo a investigações, a Justiça não faria outra coisa.  E não só a Justiça.

A iniciativa do PSDB é falta do que fazer. Ou choro de perdedor.

Ricardo Noblat

“PT GANHOU NAS URNAS, MAS NÃO FOI APROVADO PELA MAIORIA DA POPULAÇÃO”, ANALISA FELIPE MAIA

Felipe Maia por Sidney Lins Jr 02

A maioria da população brasileira está insatisfeita com o modelo de gestão do governo do PT. Essa é a avaliação do deputado federal Felipe Maia (DEM). Em discurso proferido na quinta-feira (30), na Câmara dos Deputados, o parlamentar comentou os números do segundo turno do pleito presidencial que garantiu a reeleição de Dilma Rousseff.

Da totalidade do eleitorado que votou no último domingo, cerca de 54 milhões de eleitores escolheram o atual governo. No entanto, mais de 58 milhões de pessoas, somando os votos recebidos pelo candidato Aécio Neves, os brancos e os nulos, mostraram seu descontentamento com a administração do PT. Para o deputado, as urnas deram o recado de que o povo quer mudanças na economia e serviços públicos de qualidade. “A sociedade quer menos Estado e mais gente. Quer infraestrutura, saúde, educação e segurança pública. Quer geração de emprego e renda e um crescimento maior que o pífio índice que teremos este ano”, enfatizou Maia.

O parlamentar ainda destacou sua preocupação com o clima de instabilidade enfrentado pelo setor produtivo brasileiro. “Temos um país que não cresce e um empresariado que não tem coragem de investir no chão de fábrica. Peço ao governo que não olhe para o segmento empresarial como inimigo, pois ele paga impostos e é o responsável por milhões de empregos que são gerados no Brasil, garantindo a renda de muitas famílias”, disse.

Felipe Maia concluiu seu pronunciamento ressaltando o envolvimento da população nessas eleições em que milhares de pessoas em todo o país foram voluntariamente às ruas pedir mudanças. “Esse ano vimos a população brasileira se mobilizando para pedir novos rumos ao país. As vozes dessas pessoas são ouvidas e têm ressonância no Congresso Nacional com a oposição para representa-los”, lembrou Maia.

Assessoria de Comunicação:

Suelen Lobato

Andreza Figueiredo

INFORMATIVO: J.C. CONTABILIDADE & ASSOCIADOS

empresa

Conte com essa Empresa para alavancar seus negócios. 30 anos de experiência comprovada no seguimento Empresarial. Industrial, Comércio, Serviços Construção Civil, seja qual for seu seguimento de negócio, conte com essa força. Rua Profª Alfredo Simonetti, 926 Centro = 3 3 3 1: 1 8 0 7 ASSU/RN

JC Contabilidade

NO MEC, FÁTIMA E O REITOR ARIMATEIA BUSCAM MAIS RECURSOS PARA UFERSA

20141029_152054

A deputada federal Fátima Bezerra (PT) acompanhou na quarta-feira (29), o reitor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), José de Arimatea de Matos, em audiência com o secretário executivo do Ministério da Educação (MEC), Luiz Cláudio e com o secretário de Educação Superior, Paulo Speller, para tratar da construção do campus da universidade em Assú, do Hospital Universitário em Mossoró e da liberação de mais recursos para complementação das obras em curso na instituição.

Em relação ao campus da Ufersa em Assú, o reitor informou que na próxima semana será aberto edital para contratação de docentes e que os recursos para obra estão assegurados no Orçamento Geral da União (OGU).

Para a deputada Fátima, que vem lutando em defesa da expansão e do fortalecimento da educação profissional e do ensino superior no estado, a reunião foi produtiva. “O campus da Ufersa em Assú é a maior conquista no campo educacional para o Vale do Açu e toda região, bem como a construção do hospital universitário em Mossoró. Este hospital, que terá 150 leitos, irá contribuir muito para o atendimento da população não só de Mossoró, mas também de toda região”, declarou.

Assessoria de Imprensa
Dep. Federal Fátima Bezerra – PT/RN
Heldon Simões
Maria da Guia Dantas

GEORGE SOARES PARTICIPA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE O NOVO CÓDIGO DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO NO RN

IMG-20141030-WA0026

O deputado estadual George Soares (PR) participou na manhã desta quinta-feira, 29, de audiência pública na Assembleia Legislativa sobre a lei que institui o novo código de segurança contra incêndio no estado do Rio Grande do Norte.

A audiência contou com a participação de vários órgãos ligados ao assunto, desde o comando geral do Corpo de Bombeiros até os representantes da sociedade civil e de classes envolvidas, como o CREA e o Sinduscom, pretendendo combater casos que já aconteceram no Brasil, como a tragédia na boate em Santa Maria no RS que não tinha aval técnico e jurídico para funcionar o que acabou ceifando muitas vidas.

“O maior interesse do corpo de bombeiros em aprovar o Código de Segurança Contra Incêndio e Pânico é atualizar a legislação atual que é vigente desde 1974, portanto ultrapassada e nunca passou por uma atualização. Sua finalidade dentro dos 20 artigos que a compõe é prevenir e promover as medidas de segurança contra incêndio e pânico que vai dar a segurança do patrimônio e da vida das pessoas, preservando as propriedades do nosso estado.” Comentou o deputado George.

Assessoria de Imprensa do Deputado Estadual George Soares 

ASSÚ 169 ANOS: PEÇA TEATRAL ENCERRA PROGRAMAÇÃO ESPECIAL DE ANIVERSÁRIO

169 ANOS DSC_0115-tile

Nesta quinta-feira (30), depois de quase um mês de eventos, chega ao fim a programação especial montada pela Prefeitura de Assú para comemorar os 169 anos de sua emancipação política. O destaque nesse último dia será o espetáculo teatral “Contando e recontando as obras de Suassuna”.

Apresentado pelos alunos da Escola Estadual Tenente Coronel José Correia, dentro do programa Mais Educação, a obra será encenada às 19:30h no anfiteatro Arcelino Costa Leitão, localizado na praça São João Batista, no centro de Assú.

“Será uma bela homenagem ao universo do escritor Ariano Suassuna, falecido recentemente e que nos deixou um verdadeiro manancial de bons personagens e texto”, enfatizou a secretária de Educação e Cultura de Assú, Sandra Regina Meireles Holanda Alves.

Programação variada

Durante o mês de outubro, a Prefeitura e as suas secretarias movimentaram a cidade com diversas atrações e programação especial que privilegiou a diversidade cultural. “Trabalhamos em várias frentes e, acredito, conseguimos promover a cultura, o esporte e os bons valores nesse período. O assuense e os visitantes conferiram o melhor de nossa gente e de nossas tradições. Foi uma bonita programação e que superou as nossas expectativas, tanto de público presente como de participantes nos eventos e competições”, lembrou o prefeito de Assú, Ivan Lopes Júnior.

De acordo com o secretário de Juventude, Esporte, Lazer e Turismo, Daílson Machado, a programação montada atingiu toda a cidade e atraiu visitantes de outras regiões. “Nas competições esportivas, como o GP de Ciclismo e a 2ª Mini-Maratona, recebemos competidores de outras cidades do RN e até de outras regiões do país. Isso mostra a importância desses eventos e o seu reconhecimento por atletas do mais alto nível, suas federações e claro, toda a população que lotou as competições, incentivando os esportistas”, comentou.

O coordenador do Cine Teatro Pedro Amorim, Renato Mark Wanderley, também comemorou os bons números alcançados no mês. “Outubro e a programação especial foram dois presentes para o Cine Teatro. Tivemos lotação máxima durante todas as apresentações teatrais e exposições. Desde os pequenos, muitos deles alunos da rede municipal de ensino, até o público mais adulto, conseguimos atingir bons resultados com os nossos espetáculos. Com toda certeza, essa é a prova viva que um público cativo existe e gosta sempre de novidades”, finalizou o coordenador do Cine Teatro.

SEACOM/Assessoria de Imprensa – PMA

EMENDA DE JOÃO MAIA AUTORIZA REMANEJAMENTO DE RECURSOS PARA O TRIBUNAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO EM RECIFE

EMENDA

O deputado federal João Maia (PR) é relator de mais um importante projeto na Câmara dos Deputados, o PLN 09/2014, que abre ao Orçamento Fiscal da União, em favor das Justiças Federal, Eleitoral e do Trabalho e do Ministério Público da União, crédito suplementar no valor de R$ 41 milhões, 455 mil, 831 reais para reforço de dotações constantes da Lei Orçamentária vigente.

A única emenda apresentada ao projeto foi de autoria do próprio relator João Maia, que autoriza o remanejamento de R$ 8.406.748,00 (oito milhões, quatrocentos e seis mil, setecentos e quarenta e oito reais) alocados inicialmente para a Justiça Federal de Uberlândia-MG, para o Tribunal Regional Federal da 5ª Região, com sede em Recife (PE).

Os recursos permitirão a ação de julgamento de Causas em todo o Nordeste. Antes da emenda de João Maia, o valor destinado para a órgão era de apenas 1 milhão, 593 mil, 252 reais proposto pelo projeto inicial da presidenta Dilma Rousseff (PT). O PLN segue agora para a aprovação dos demais membros da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização, e depois no plenário da Câmara dos Deputados.

OUTUBRO ROSA: SAÚDE DE ASSÚ REFORÇA IMPORTÂNCIA DA PREVENÇÃO DO CÂNCER DE MAMA

ROSA

Na área de saúde, o mês de outubro é conhecido como Outubro Rosa, e marcado pela conscientização sobre a prevenção do câncer de mama. Durante todo o mês diversas ações são realizadas na tentativa de alertar sobre a necessidade do diagnóstico precoce e os riscos que a doença pode trazer.

Neste período, a secretaria de Saúde do município do Assú mobilizou todas as equipes de Estratégias de Saúde da Família (ESF) com atendimento de ginecologista, enfermagem e orientação com o propósito de chamar a atenção das mulheres para a doença, incentivando diagnósticos cada vez mais precoces por meio de exames específicos como a mamografia e o autoexame.

Quando identificado precocemente, em estágios iniciais, o prognóstico se torna mais favorável assim como as chances de cura. Em geral, o câncer de mama não tem uma causa única, mas há alguns fatores que podem influenciar no desenvolvimento da doença, como: aumento da idade; menarca (primeira menstruação) precoce; menopausa tardia; nunca ter engravidado; ter tido o primeiro filho depois dos 30 anos; histórico de câncer de mama na família; excesso de peso e alto consumo de álcool.

A presença de um ou mais desses fatores de risco não significa que a mulher terá necessariamente câncer de mama. As mulheres, de todas as idades, devem ser orientadas a olhar, palpar e sentir suas mamas no dia a dia para reconhecer suas variações naturais e identificar as alterações suspeitas.

O trabalho da secretaria de Saúde do município do Assú neste Outubro Rosa contou ainda com uma capacitação para os médicos e enfermeiros e a realização de quase 100 (cem) mamografias para mulheres na faixa prioritária, que vai dos 50 aos 69 anos.

Assessoria de Projetos Especiais (Sec. de Governo)

Prefeitura Municipal do Assú/RN

Alderi Dantas