ASSÚ: DESDE WALTER DE SÁ LEITÃO PREFEITO A RONALDO SOARES; APONTE UM EX-PREFEITO RICO

vitorhugo

Venho de uma geração já quase extinta pelo tempo, já que a idade não perdoa que ainda tem autoridade para falar do passado da minha terra natal.

Só posso falar de Walter de Sá Leitão como prefeito até os dias de hoje, posso não ser bem interpretado por familiares dos prefeitos que convivi e que vou citar agora.

Walter de Sá Leitão

Administrou o Assú, tendo como vice-prefeito Zezinho André de forma transparente cujos filhos de ambos ralam ainda hoje para buscar o seu espaço, vencedores, sem a herança maldita do dinheiro público roubado.

SEBASTIÃO ALVES MARTINS

Desse eu fui mais próximo, participei do seu governo como vereador e presidente da Câmara.

Apesar de ter tomado posições divergentes posteriormente de ordem familiar que me fez desembarcar em outro candidato, faço questão de ressaltar a sua dignidade, honestidade e amor a sua terra que ora governava sem nenhum ilícito. Nos deixou, pós morte, sem recursos do dinheiro público roubado, obrigando aos seus filhos trabalharem no único bem que restou pra família.

RONALDO SOARES

De quando da sua candidatura, contrariou o prefeito Sebastião Alves que queria Edgard Montenegro como candidato do grupo então no poder.

A persistência e luta de Ronaldo o fez candidato e vencedor cujo mandato eficiente elegeu como seu sucessor o primo Zé Maria.

ZÉ MARIA

De todos o mais popular e integrado as causas sociais, apesar de ser considerado como de uma palavra fácil e difícil de cumprir compromisso.

LOURINALDO SOARES

Não posso nem devo avaliar o seu governo por estar ausente durante a sua administração.

A nossa relação passou por quando dirigiu a CERVAL, e acrescento que durante essa toda a minha trajetória ainda não conheçi um homem de palavra firme, honesta e direta quanto a de Lourinaldo.

Tivemos a posteriores, Zé Maria, Ronaldo e Ronaldo.

De todos vi muitos erros, mas, não vi nenhum ladrão.

José Regis de Souza

REGIStrando

Publicidade:

PREFEITURA DO ASSÚ DECRETA PONTO FACULTATIVO NESTA SEXTA-FEIRA, 27

FACULTATIVO

O prefeito Ivan Junior através de Decreto publicado no Diário Oficial determinou ponto facultativo nesta sexta-feira (27), nos órgãos da administração pública municipal.

O disposto no decreto publicado não se aplica aos servidores que prestam serviços considerados essenciais e que, por sua natureza, devem se dar de forma ininterrupta, a exemplo da Limpeza Pública e do Pronto Socorro Municipal.

O expediente retorna a sua normalidade na próxima segunda-feira dia 30.

Com informações da SEACOM-PMA

Publicidade:
Assemb. Legislativa

JUSTIÇA ELEITORAL: MESÁRIO VOLUNTÁRIO

MESARIO VOLUNTARIO

 TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL

RIO GRANDE DO NORTE

CARTÓRIO ELEITORAL DA 29ª ZONA – ASSÚ

COMUNICADO 02/2016 – 29ªZE

O trabalho de mesário voluntário nas eleições é a oportunidade que o eleitor tem de exercer sua cidadania e contribuir diretamente para o processo democrático brasileiro. Qualquer cidadão pode contribuir com o processo eleitoral e os interessados em participar podem se inscrever no programa Mesário Voluntário da Justiça Eleitoral. Para isso, basta acessar o portal do TRE/RN (http://www.tre-rn.jus.br), na opção Eleitor – Mesário e preencher um cadastro ou informar ao Cartório da 29ª Zona Eleitoral, pessoalmente ou através do telefone 33311031.

Os eleitores podem se inscrever como mesário voluntário até a véspera da Eleição, tendo em vista a possibilidade de ocorrer substituição de mesário. Entretanto, para que haja a inclusão do eleitor no Edital de nomeação, sugere-se que o mesmo se inscreva até o dia 10/07/2016.

Os eleitores que trabalharam na Eleição Geral de 2014 como mesários e não desejarem ou não puderem trabalhar nas Eleições Municipais de 2016, podem comunicar o fato ao Cartório Eleitoral, ficando a dispensa condicionada a existência de pessoas para assumir a função.

Não sendo possível dispensar todos os eleitores que desejarem, será dada preferência aos que trabalharam um maior número de eleições.

O eleitor que atua como mesário usufrui das seguintes vantagens:

1.      Direito a 2 dias de folga do serviço (público ou privado), por cada dia trabalhado nas eleições, Art 98 da Lei nº 9.504/97;

2.      Direito a 2 dias de folga do serviço (público ou privado), por cada dia de treinamento, Decisão, pelo TSE, no Processo Administrativo nº 19.498/DF de 26/09/2000;

3.      Entrega, a quem solicitar, de certificado comprobatório dos serviços prestados à Justiça Eleitoral para inclusão em currículo profissional e para utilização como critério de desempate em concurso público, desde que estabelecido no respectivo edital;

4.      Para alunos de Instituições de Ensino Superior conveniadas, as horas trabalhadas contam como atividade extracurricular;

5.      Isenção da taxa de inscrição nos concursos públicos promovidos pelo Governo do Estado do Rio Grande do Norte (Lei nº 9643/2012), pelo Município de Natal/RN (Lei nº 6336/2012) e pelo Município de Parnamirim (Lei nº 1.687/2014).

Assú/RN, 25 de maio de 2016

CARLOS ROGÉRIO TORRES TEIXEIRA
Chefe do Cartório da 29ªZona Eleitoral

Publicidade:
Sua Ótica

CRAS DE ALTO DO RODRIGUES FAZ FESTA EM HOMENAGEM AS MÃES

cras-5

O  Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Alto do Rodrigues promoveu esta semana uma festa em homenagem as mães das crianças e adolescentes que participam das atividades do Centro.

Na ocasião do evento foram feitas diversas homenagens as mães presentes e a entrega de presentes.

Em funcionamento desde o início da atual gestão, o Cras é a porta de entrada da Assistência Social. É um local público, localizado prioritariamente em áreas de maior vulnerabilidade social, onde são oferecidos os serviços de Assistência Social, com o objetivo de fortalecer a convivência com a família e com a comunidade. O serviço funciona no município através do governo federal em parceria com a gestão municipal.

top-agencia-noticias

Publicidade:
Senhorinha II

INAUGURAÇÃO DE NOVA SEDE EM MOSSORÓ REFORÇA PRESENÇA DO MPF NO RN

descerramento da placa pelos procuradores

procurador-chefe substituto Ronaldo Chaves

A inauguração da nova sede da Procuradoria da República no Município de Mossoró (PRM Mossoró), ocorrida nessa terça-feira (24), reforça a presença do Ministério Público Federal junto à população do Rio Grande do Norte. O novo prédio está localizado na Avenida Jorge Coelho de Andrade, no bairro Costa e Silva, e garante não só melhores condições de funcionamento à instituição, como também maior proximidade com os cidadãos.

A PRM Mossoró atua em 13 municípios e, desde 2006, já funcionava na “Capital do Oeste”, porém em um imóvel alugado. Ao todo, a área de atuação abrange aproximadamente 470 mil pessoas, moradores de Apodi, Areia Branca, Baraúna, Caraúbas, Felipe Guerra, Governador Dix-Sept Rosado, Grossos, Janduís, Mossoró, Porto do Mangue, Serra do Mel, Tibau e Upanema.

Durante a solenidade de inauguração, o procurador-chefe substituto da PR/RN, Ronaldo Sérgio Chaves Fernandes, lembrou que, na terra famosa por ter expulsado o bando de Lampião, “o MPF precisava de uma melhor estrutura para combater os sabinos, massilons, jararacas ecolchetes dos tempos modernos”, referindo-se ao nome de alguns dos mais famosos integrantes do bando que realizou o ataque fracassado a Mossoró, sob o comando do cangaceiro Virgulino Ferreira.

Já o secretário-geral do Ministério Público Federal, Lauro Pinto Neto – que veio ao estado especialmente para o evento – destacou a importância de a instituição garantir uma melhor estrutura para atender à demanda crescente da sociedade, que quer ver garantidos seus direitos. Ele lembrou da visita feita há dois anos, ao local, e elogiou a forma como a obra foi desenvolvida.

Dois procuradores da República atuam pelo MPF na PRM Mossoró, Aécio Tarouco e Emanuel Ferreira. Este último agradeceu o apoio dado pelos 28 servidores e estagiários que trabalham na unidade e classificou o novo prédio como um símbolo do fortalecimento do Ministério Público Federal. “Essa nova estrutura traz, ainda, mais responsabilidade para todos nós.”

O prefeito de Mossoró, Francisco José Júnior, elogiou a nova sede, inclusive pelo fato de ter sido totalmente adaptada às normas de acessibilidade, e disse esperar que o novo prédio se reflita em um acolhimento ainda melhor para a população. Participaram da solenidade também integrantes da Justiça Federal, da comunidade acadêmica e representantes de diversas outras instituições públicas e privadas.

Com a PRM Mossoró, são cinco as unidades do MPF no Rio Grande do Norte. Em Natal (PR/RN) e ainda as PRMs Caicó, Assu e Pau dos Ferros. Uma sexta deverá ser instalada ainda este ano, em Ceará-Mirim.

Assessoria de Comunicação
Procuradoria da República no RN

Publicidade:
Leila Cabeleleira II

FERIDOS, CACIQUES DO PMDB ESTÃO ATEMORIZADOS

SergioMachadoRenataMelloTranspetro

Caíram todas as fichas do PMDB. A conversão de Sérgio Machado de operador do partido em colaborador da Lava Jato revelou a alguns cardeais que ainda se imaginavam acima das leis que a festa acabou.

Aos poucos, desaparece aquele Brasil que oferecia às eminências políticas a segurança de que nenhum ilícito justificaria a incivilidade de uma reprimenda pública. No seu lugar, surge um país que ensina a Sarney, Renan e Jucá que nem tudo termina num grande acordão.

Acometido de ‘morofobia’, Sérgio Machado foi de cacique em cacique para avisar que estava prestes a suar o dedo. “Esse cara, esse Janot que é mau caráter, ele disse, está tentando seduzir meus advogados, de eu falar”, disse para Sarney.

“O Janot tem certeza que eu sou o caixa de vocês”, declarou para Renan. “Então, o que ele quer fazer? […] Ele quer me desvincular de vocês, […] e me jogar para o Moro. E aí ele acha que o Moro vai me mandar prender. Aí quebra a resistência. E aí fodeu.”

“Eu estou muito preocupado”, afirmou Machado na conversa com Jucá. “O Janot está a fim de pegar vocês. E acha que eu sou o caminho.”

Ouviram-se juras de proteção a Machado. “Sem meter advogado no meio”, orientou Sarney. Um pacto para “estancar a sangria”, definiu Jucá. “Tem que ser conversa de Estado-Maior”, pediu o ex-presidente da Transpetro.

Homologado nesta quarta-feira (25) pelo ministro Teori Zavascki, do STF, o acordo de delação premiada que Sérgio Machado celebrou com o Ministério Público Federal é uma evidência de que malograram as tentativas de acordão. Afora os depoimentos já prestados pelo novo delator, a turma da Lava Jato manuseia gravações que somam quase sete horas de conversa.

Feridos pela traição, os caciques do PMDB estão atemorizados. O pânico tem razão de ser. Eles sabem o que fizeram nos verões passados. E acabam de descobrir que já não é tão fácil celebrar conchavos com pedaços do Judiciário, para triturar investigações.

A caciquia do PMDB ainda não conseguiu concretizar o desejo de aprovar alterações às leis que regulam os acordos de leniência e as delações premiadas. Enquanto ainda têm mandato, Renan e Jucá deveriam perseguir um objetivo mais modesto —um tributo a Sérgio Machado. Assim como há ruas batizadas de Voluntários da Pátria, a dupla poderia sugerir a inauguração de outras que se chamassem Traidores da Pátria.

Josias de Souza

Publicidade:
Pedrinho II

EZEQUIEL PROPÕE AÇÕES DE SEGURANÇA, ESPORTE E LAZER PARA CEARÁ-MIRIM E FLORÂNIA

EZE1

Com o objetivo de promover segurança e incentivar o esporte e o lazer nos municípios de Ceará-Mirim e Florânia o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), apresentou dois requerimentos para beneficiar a população destas cidades.

“São ações que buscam melhorar a qualidade de vida da população das cidades de Ceará-Mirim e Florânia. Na segurança pública o enfrentamento à criminalidade na região precisa antes de tudo de mais efetivo policial e viaturas em condições de oferecer pronta resposta as ações delituosas e o esporte precisa de áreas para a sua prática”, destaca Ezequiel Ferreira.

Para Ceará Mirim, Ezequiel solicita uma viatura e efetivo policial militar na comunidade de Baixo Verde. “As comunidades rurais estão bastante vulneráveis quanto à segurança pública”, destacou. A região possui um único posto policial, construído por um empresário local, e atende também as comunidades de Rio dos Índios, Boa Vista, Capoeira Grande, Coqueiros, Alto do Sítio, Sítio, Serrinha, Caiana e Aningas. “Portanto, sem policias e viaturas fica impossível o funcionamento do posto”, completa o deputado.

A recuperação geral na quadra poliesportiva localizada na Vila Jucuri é o benefício requerido pelo presidente da Assembleia para o município de Florânia, na região Seridó. “O equipamento que passa por desgastes em sua estrutura física, é o local onde os atletas exercitam o esporte amador na comunidade, como vôlei e futebol de salão e atividades culturais”, justifica. A Vila Jucuri tem cerca de 800 habitantes.

ALRN

Publicidade:
Pedrinho II

ASSÚ: O JOVEM LÍDER INCANSÁVEL GEORGE SOARES

George no Cabugi

Estive no dia de ontem (24) no fórum para uma audiência e fortuitamente encontrei o amigo Neto Burrego, oportunidade em que enquanto esperava a hora para ser ouvido, batemos um papo sobre o momento atual da política de Assú.

Parafraseando Nelson Rodrigues quando disse que “toda unanimidade é burra”, do pouco que conversamos não discordamos em absolutamente nada do discutido.

Alguns pontos que abordamos obviamente foi sucessão municipal, claro que não tenho o direito de publicar o que foi conversado e concordado por ambos, mesmo não sendo assunto confidencial o meu interlocutor não merece que eu exponha as suas ideias no meu blog.

Contrario esse meu entendimento para ressaltar que o ponto comum foi o do reconhecimento que o nosso município e região ganhou com a ascensão de George Soares como deputado um status de liderança a nível estadual que nos fazia grande falta.

Me desculpo ao amigo Neto por publicar, mesmo simplificando essa nossa conversa que resumiu o efeito real do mandato de George.

É repetitivo dizer que foram mais de quinze mil votos obtidos na sua terra em um segundo mandato.

Foi com esse curriculum que o deputado voltou para a assembleia recebendo o beneplácito de todos os colegas que o admiram e lhe querem bem.

José Regis de Souza

REGIStrando

Publicidade:
Ddentista II

COMISSÃO DE FINANÇAS DISCUTE CÓDIGO DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO

C. FINANÇAS

Reunião contou com esclarecimentos do comandante do Corpo de Bombeiros do RN, coronel Otto Ricardo Saraiva de Souza

Projeto de lei oriundo do Governo do RN, que institui o Código de Segurança contra Incêndio e Pânico do Estado do Rio Grande do Norte (COSIP) foi discutido na reunião da Comissão de Finanças e Fiscalização (FCC) nesta quarta-feira (24). O relator da matéria é o deputado Dison Lisboa (PSD) e o comandante do Corpo de Bombeiros Militar do RN, coronel Otto Ricardo Saraiva de Souza, participou prestando esclarecimentos aos parlamentares sobre o papel da corporação em relação à segurança.

O deputado Dison Lisboa afirmou que o único ponto divergente é quanto à terceirização dos serviços e ressaltou que as explicações do comandante foram de muita valia para a elaboração do seu relatório, que será concluído para apreciação dos membros da comissão. “Esse projeto vem sendo discutido há dois anos e acredito que agora chegaremos a um termo final”, afirmou Dison.

O comandante reforçou que a celeridade na análise dos projetos, um dos pontos sempre alegados pelos que defendem a terceirização é uma realidade. A redução de prazos deixou a pauta praticamente zerada. Ele também fez reforçou o papel dos bombeiros. “Sempre deixei claro que a atividade de análise do projeto de incêndio não é atribuição da engenharia. Em vários estados brasileiros a análise é atribuição específica do corpo de bombeiros, que não adentra na questão da engenharia, mas se limita à questão da segurança contra incêndio”, defendeu coronel Otto Ricardo. Segundo ele, questões já alegadas como a demora na análise por parte da corporação, podem ser resolvidas com capacitação, gestão e ampliação do quadro de pessoal.

O comandante citou dados mostrando a celeridade do trabalho, um dos pontos mais alegados pelas entidades que defendem a terceirização, num comparativo entre a quantidade de projetos analisados nos anos de 2015 e 2016. No mês de março de 2015 foram analisados 198 projetos e neste ano 352, mais de 150% a mais. Em abril do ano passado foram 225 projetos analisados e neste ano 355.

O presidente da CFF, deputado Tomba Farias (PSB) e os demais membros da comissão, deputados Ricardo Motta (PSB), George Soares (PR) e Galeno Torquato (PSD) consideraram bastante elucidativas as explicações do comandante.

Debate do COSIP

Em outra oportunidade, o projeto, que revoga a Lei Estadual 4436, de 9 de dezembro de 1974, já foi discutido em Audiência Pública promovida pela Casa, reunindo entidades representativas da sociedade civil organizada que contribuíram na atualização da norma em discussão. O documento consiste na atualização dos conceitos previstos no Decreto 6.576, de 03 de janeiro de 1975, tendo como inovação o estabelecimento de medidas que há três décadas não estavam ainda disponibilizadas pela tecnologia de equipamentos preventivos contra incêndio.

A atualização prevê a padronização de serviços técnicos, maior segurança jurídica, expansão da abrangência de edificações e redução dos prazos para análises para até 60 dias, entre outros. As mudanças preveem a inclusão dos sistemas de detecção e alarme; o controle de fumaça e os sistemas de extinção por gases inertes, bem como as medidas de proteção passiva que não foram contempladas à época, dentre elas, o controle de materiais de revestimento e acabamento; a acessibilidade de veículos de combate a incêndio às edificações; a distância de segurança entre as edificações; a compartimentação horizontal e vertical e a exigência de equipes de intervenção (brigadas de incêndio).

ALRN

Publicidade:
Ultrassu - II

GUSTAVO CARVALHO SE DIZ OTIMISTA COM MUDANÇAS NA SEGURANÇA PÚBLICA DO ESTADO

GUSTAVO ZECA

A troca de comando das secretarias estaduais de Segurança Pública e Defesa Social (SESED) e Justiça e Cidadania (SEJUC) foi o tema do pronunciamento do deputado Gustavo Carvalho (PSDB) na manhã desta quarta-feira (25), na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. O parlamentar se mostrou otimista com as mudanças e espera melhorias nos índices de criminalidade.

“Conversei com o general Ronaldo Lundgren, novo secretário de Segurança, e senti emprenho, além de competência para a montagem de um planejamento estratégico e emergencial para o Estado. Assim também é o que acreditamos com o novo secretário de Justiça e Cidadania, que demonstra uma vigilância mais eficaz. Nas duas áreas, já estamos sentindo mudanças na Capital e no interior”, disse o deputado.

Gustavo Carvalho disse que apresentou sugestões ao novo secretário da SESED, que prontamente foram acatadas. Ele citou as mudanças vistas na nova gestão, como a unificação das ações das polícias militar e civil, ações em relação à Delegacia Geral de Polícia e uma ação prevista para as regiões do Estado, como o Alto Oeste. Já na SEJUC, o parlamentar destacou as visitas noturnas que estão sendo realizadas nos presídios e centros de detenção. “Da mesma forma que criticamos neste plenário, também fazemos elogios quando é necessário”, concluiu.

O deputado Getúlio Rego (DEM) parabenizou o pronunciamento de Gustavo Carvalho, mas fez um alerta quanto aos recursos destinados para a área. O parlamentar acredita que não é possível ter melhorias sem investimentos materiais. O deputado Souza Neto (PHS) ressaltou a importância da realização de concurso público. Segundo ele, há um déficit de 4.500 agentes no Estado e também citou a intenção do Governo de recrutar 3 mil homens através de certame público.

Turismo e Caern

Gustavo Carvalho também usou o seu tempo no plenário para elogiar as ações do Governo do Estado na área do Turismo. “Ressalto aqui a medida do Governo em isentar o imposto do querosene de aviação para os voos charters. O RN já teve 32 voos como esses e até o momento da medida, não tínhamos mais nenhum”. Em relação à Companhia de Águas e Esgotos (CAERN), o parlamentar parabenizou a ação do governador e do diretor do órgão em relação à celeridade das obras de saneamento de Natal, que deverá atingir os 100% da área da cidade até o final de 2018.

ALRN

Publicidade: